Inscrição do Prouni 2014

08/09/2013

Inscrição do Prouni 2014

Prouni 2014: Criado em 2004, pelo Ministério da Educação, o Programa Universidade Para Todos (Prouni) concede bolsas em instituições privadas de ensino superior, em cursos de graduação e seqüencias de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

Em breve estarão abertas as inscrições para o Prouni 2014. Só poderá efetuar inscrição no Prouni 2014 quem participar da edição do Enem 2013, que terá suas provas aplicadas nos dias 26 e 27 do mês de outubro em todo o país. Para o estudante poder participar do Prouni, além de participar do Enem, é necessário alcançar uma nota mínima para poder participar do programa, aqueles candidatos que obtiverem nota zero na redação e/ou não atingirem uma nota média de 450 pontos no exame, não poderão se inscrever no Prouni.

O processo seletivo do Prouni possui uma única etapa de inscrição e acontecem dois processos seletivos por ano, sendo um no primeiro e outro no segundo semestre. A edição do primeiro semestre ocorrerá em janeiro, algumas semanas após a divulgação do resultado final do Enem e a segunda edição acontecerá em junho.

A inscrição para o Prouni 2014 é gratuita e feita exclusivamente pela internet, através do site http://siteprouni.mec.gov.br/. Para acessar o sistema, o candidato deverá informar seu número de inscrição e sua senha no Enem de 2013.

Durante o período de inscrição, o candidato pode escolher até duas opções de curso e alterações podem ser realizadas a qualquer momento durante o período de inscrições, sendo considerada válida a ultima inscrição confirmada.

Após a realização das duas chamadas, o candidato poderá manifestar o interesse em participar da lista de espera do Prouni 2014 que será utilizada pelas instituições de ensino para preenchimento das bolsas eventualmente não ocupadas. Para participar da lista de espera, o candidato deve acessar o sistema do Prouni e manifestar o interesse dentro do prazo especificado no cronograma.

O Prouni 2014 oferece bolsas integrais e parciais. Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda bruta familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio e; para as bolsas parciais (50%), a renda bruta familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Desde a sua criação até hoje, o Prouni atendeu mais um milhão de estudantes com bolsas integrais, parciais e com programas de incentivo à permanência dos universitários nas instituições, como o Bolsa Permanência.

GD Star Rating
loading...

Previous post:

Next post: